Não Vivo Sem Cosméticos

Você está aqui: Home Cabelos Força na peruca!

Força na peruca!

10 Out
Tenho uma relação de amor e ódio com cabeleireiros. Não por acaso, pois já tive mais experiências ruins do que boas em salões de beleza. Mas digo isso, porque, ontem, acordei cansada mas com um bom pressentimento. Me olhei no espelho e disse pra mim mesma: vou cortar o cabelo. E fui!

No caminho, mentalizei coisas boas, mas o desenho animado na TV do ônibus executivo mostrava um episódio das Panteras com o título "Evil hair style" ou coisa do gênero. Rezei para que não fosse um aviso... Bem, horas depois, com as madeixas uns dois ou três dedos mais curtas, saio correndo com o cabelo ainda molhado do salão para chegar a tempo na minha aula do mestrado. Mesmo atrasada, corri na farmácia para comprar um creme para cachos (o mesmo que tinha comprado no dia anterior, pois foi só o que achei e precisava dar um jeito nos fios esvoaçantes antes de entrar na sala de aula). Fiquei em crise o resto da tarde.

Depois, tomei uma decisão: do meu cabelo, cuido eu! Tirando o relaxamento que continuarei, claro, fazendo no meu cabeleireiro de sempre, do resto cuidarei eu mesma, em casa. Estou cansada dos conselhos de gente que nem sabe do meu histórico capilar, dos meus gostos e dos meus desejos. E tem mais: se você estiver querendo apenas tirar as pontinhas, tire você mesma! Cabeleireiro não tem pena de ponta estragada, corta e pronto. Então, se vc não quer perder comprimento, fica em casa, usa rabo de cavalo, coque, tiara, trança, o escambau. Mas não vai sentar no salão e pedir "eu só queria"... Sem chance!

Bom, não derramei nenhuma lágrima. E embora ainda esteja me sentindo um leão com meia juba, achei que no fim das contas ficou bom o corte. Deu um volume nas laterais como eu queria e está com um aspecto mais saudável. Mas espero que até o Ano Novo eu recupere esses três dedos... ai que duro é ser apegada a tão pouco. É isso, só um desabafo por hoje, que estou cansada, já peguei chuva e frio, perdi ônibus e agora preciso estudar. Inté amanhã!
Andréa da Luz

Bem-vindo ao Não Vivo sem Cosméticos, projeto da jornalista e engª química Andréa da Luz, no ar desde 2007. Acompanhe-nos também pelo Twitter, Facebook e Youtube!

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar