Não Vivo Sem Cosméticos

Você está aqui: Home Dicas de Beleza Óleo de coco: um bálsamo para os cabelos

Óleo de coco: um bálsamo para os cabelos

07 Dez

Embora muito se fale do óleo de argan, o óleo de coco está no mesmo nível de importância quando se trata de nutrição, brilho e maciez para os cabelos. Além disso, torna o ato de pentear mais fácil, tem leve ação anticaspa, equilibra o cabelo danificado e pode ser usado sozinho ou em máscaras e condicionadores. Não é  à toa que já é tendência para os cosméticos e para a alimentação.

O óleo vegetal de coco – fruta produzida pelo coqueiro, de casca fibrosa e composta por aproximadamente 46% de água - é riquíssimo ácidos graxos: láurico (40 a 55%), mirístico (11 a 27%), oleico ou ômega 9 (9 a 20%) e palmítico (5,2 a 11%), além dos ácidos caprílico, cáprico, esteárico e linoleico (ômega 6) em menores quantidades*. Os dois principais, láurico e mirístico, reduzem o percentual de gordura corporal (por isso o óleo virou febre em dietas de emagrecimento no Brasil), possuem ação anti-inflamatória, protegem o coração e regulam o funcionamento da tireóide, acelerando o metabolismo orgânico, o que facilita o emagrecimento.

Na indústria cosmética, o ativo pode ser utilizado como base, substância carreadora (diluidora), pomadas e protetores solares. Nos cuidados com a pele, especialmente, é ideal para formulações que envolvem massagem corporal, hidrata todos os tipos de pele, sendo bom substituto do óleo mineral, evita o ressecamento e descamação, retarda o processo de envelhecimento e flacidez e ainda ajuda no tratamento de psoríase, dermatites e eczemas. Como não possui conservantes e/ou substâncias químicas alergênicas, garante o aporte de antioxidantes na pele, atua como excelente hidratante e promove a melhora da elasticidade cutânea, conferindo uma aparência mais jovem e sadia. Pode ser aplicado e massageado diretamente sobre peles mais secas. Seu uso também é sugerido para prevenção de estrias que ocorrem por conta da gestação.

Mas a grande sacada é que é perfeito para cabelos afros**! Funciona como reparador de pontas, equilibrador do couro cabeludo, facilitador do penteado e conferidor de brilho e definição de cachos. Também pode ser usado em umectações pré-xampu e junto a máscaras de hidratação (veja abaixo). E o melhor de tudo: é natural! Não agride seus cabelos nem a pele e é facilmente absorvido pelos fios, sem deixar engordurados (é preciso ir dosando a quantidade ideal para cada comprimento, textura e volume de cabelos).

  • Como fazer a umectação: a umectação nada mais é do que o uso de óleos ou manteigas para nutrir os fios, portanto, deve ser feita após a hidratação (pelo menos dois dias depois da hidratação) e antes da reconstrução (aguarde 2 a 3 dias para usar máscaras reparadoras e reconstrutoras). É muito simples e ajuda a proteger o cabelo da ação detergente e ressecadora do xampu, veja só:

1- divida o cabelo seco em mechas não muito grandes (faço umas 8 ou 10 porque tenho muito cabelo, depois junto em mechas maiores como na foto 3);
2- umedeça a ponta do dedo indicador no óleo (separe em uma vasilha 1/2 colher de sobremesa do óleo e, se faltar, pegue mais um pouco do vidro - como é um óleo utilizado também na culinária, não tem problema usar uma colher qualquer, mas não enfie a mão que você já passou no cabelo no vidro para não contaminar o óleo), ponha na palma da mão esfregando com as duas mãos e então vá enluvando os fios, massageando mecha a mecha, da raiz às pontas. Aproveite para massagear o couro cabeludo também;
3- deixe no mínimo meia hora no cabelo (também pode deixar 1 hora ou passar à noite e lavar no dia seguinte - prefiro a última opção para que penetre bem no fio) e depois lave normalmente, com xampu e condicionador.

Pronto!!! Faça toda semana (ou quinzenalmente se seu cabelo não for tão seco) e comece a observar a saúde de seu afro. Ele vai ficar mais macio, brilhante e saudável!

Na foto abaixo, a raiz do meu cabelo que já está crescendo sem alisamento há 3 meses (foto tirada em 30/11/11) + óleo de coco (vidro grande, líquido em dias quentes e endurece nos dias frios, ficando como a manteiga de karité (pote menor ao lado), só que mais macio para espalhar) + cabelo com a umectação feita + eu toda trabalhada no lenço, antes de dormir com as mechas umectadas, ahahaha.

1 abacate medio
2 colheres(sopa) de óleo de coco
2 colheres(sopa) de azeite de oliva
1 colher (sopa) de óleo de semente de uva
2 colheres (sopa) de mel

Lave o cabelo antes de aplicar a hidratação. Bata todos os ingredientes no liquidificador, passe mecha a mecha nos cabelos e deixe por 30 minutos na touca plástica ou de alumínio. Enxágue e finalize como de costume.

* Valores de Referência: RDC 482, de 23/09/1999, da Agência Nacional da Vigilância Sanitária - Anvisa.
** Procure sempre pelos óleos puros, extravirgem, com extração a frio.
Andréa da Luz

Bem-vindo ao Não Vivo sem Cosméticos, projeto da jornalista e engª química Andréa da Luz, no ar desde 2007. Acompanhe-nos também pelo Twitter, Facebook e Youtube!

Comentários  

#14 Andréa da Luz 25-04-2013 20:59
Ana, infelizmente não conheço essa receita.
Citar
#13 ana 11-04-2013 19:43
gostaria muito q vc pudesse me ajudar...a muito tempo atras vi uma receita p alisar os cabelos q era perfeita com melao, sabao d coco granado e nao lembro qual era o outro componente...er a perfeito, o cabelo ficava lindo...espero q possa me ajudar ...obrigada ...aguardo resposta
Citar
#12 sandra 15-01-2013 17:28
no blog da lana eu li e resolvi faser o teste usei oleo de coco oleo peixe em capusulas yogurte oleo de mamona oleo de de girasol e azeite de dende azeite extra virgem um pouco da poupa de melao e poupa de goiaba e oleo de pequi fiquei 4 horas com o meleca no cabelo lavei condicionei e notei a diferença cabelo s mas comportado sem fris com brilho amei o resultado vou seguir esse alisamento natural 1 vez na semana e 3 vezes na semana vou usar oleo de coco por 8 a 10 horas quimica no meu cabelo nunca mas.
Citar
#11 GIL 03-01-2013 13:04
GOSTEI MUITO DAS DICAS E TENHQ CEREZA QUE FAREI UM TESTE MEU CABELO E DAQUELE TUIM HIUM MESMO E ESTOU ADERINDO A MEU AFRO NATURAL JA MANDEI ATÉ FAZR UM HORIÇADOR QUE QUEBRA MENOS AO PENTEAR
Citar
#10 Andréa da Luz 14-12-2012 14:20
O óleo de coco nutre os fios, nunca ouvi dizer que alisa e, pelo menos nos meus cabelos, não tem esse efeito que vc fala.
Citar
#9 luly 13-12-2012 01:31
Esse óleo de coco alisa o cabelo mesmo?
Citar
#8 Andréa da Luz 24-11-2012 19:03
Katia,não conheço alisamento com óleo de coco. No post acima, mostro como umectar (proteger os fios do ressecamento do xampu) com óleo de coco extravirgem e natural, antes de lavar. Se vc tem dermatite, talvez fosse bom conversar com seu dermatologista para saber se há relação entre sua alergia e as tinturas de cabelo e deixá-las de lado...
Citar
#7 Katia 22-11-2012 21:59
pessoas com dermatite pode usar alizamento com oleo de coco;O que devo fazer?gostaria de usar algo mais natural porque uso tinta no meu cabelo.
Citar
#6 Andréa da Luz 18-09-2012 05:45
Oi, Isabella,serve sim. Vc pode fazer da seguinte forma: umedeça a ponta dos dedos no óleo, esfregue nas mãos e passe somente na parte ressecada do seu cabelo (comprimento e pontas) evitando a raiz. Deixe por uma hora e depois lave os cabelos normalmente, com xampu e condicionador. Observe se nos próximos dias ele fica oleoso ou não. Se não ficar, vc pode tentar fazer 1x na semana ou a cada 15 dias até sentir uma melhora nos seus fios. Outra opção é misturar uma colherinha (café) junto ao creme de hidratação, tb passando somente no comprimento e pontas. O bom é que depois vc pode utilizar o óleo para fins culinários também... rs rs Se não resolver o ressecamento, talvez seus fios não precisem de nutrição e sim de reconstrução... Abs.
Citar
#5 Isabella 17-09-2012 21:53
Oi, Andrea, eu queria saber se essa umectação com óleo de coco também serve para cabelos não-afros, eu tenho o cabelo liso, mas ele anda muito ressecado,porém , tenho medo de fazer essa umectação e ele ficar muito pesado... Abraços!
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar