Não Vivo Sem Cosméticos

Você está aqui: Home Dicas de Beleza Cabelo Afro: testando o Método LOC na finalização

Cabelo Afro: testando o Método LOC na finalização

15 Abr

Conheça a técnica que faz com que o cabelo crespo/cacheado permaneça hidratado por mais tempo.

Na busca por melhores resultados dos tratamentos que faço nos cabelos, resolvi testar (e já incorporei a minha rotina capilar) o método de finalização LOC (da sigla em inglês):
L = leave in (à base de água, ou água somente, como fiz)
O = óleo (usei de óleo de coco extravirgem)
C = creme (creme para pentear ou manteiga vegetal. Usei o modelador Hidramax Colágeno Elsève + manteiga de karité pura, derretida, para selar as pontas).

O método é muito simples. Trata-se de aplicar os produtos na sequência acima, nos cabelos limpos, para ajudar a selar a hidratação nos fios. E, claro, é ideal para cabelos extremamente secos e os crespos. Funciona assim:

Passo 1 - Aplique um leave-in condicionador hidratante à base de água aos cabelos limpos (eu usei água somente, aliás, não usei nada pois os cabelos já estavam molhados após a etapa de nutrição*);
Passo 2 - Aplique uma fina camada de óleo para ajudar a selar a hidratação (use um óleo vegetal puro, a sua escolha, que não contenha silicones nem óleo mineral);
Passo 3 - Aplique um hidratante cremoso à base de manteiga (vegetal) para selar a hidratação (aqui pode ser um leave in mais grosso, com manteigas vegetais na formulação, ou manteiga vegetal pura. Evite cremes com óleo mineral, parafina e, se possível, silicones).

Feito isso, você pode estilizar seu cabelo como preferir.

Na descrição original do método, aqui neste site, não fala que é necessário, mas por experiência própria e como os cabelos afro são muito mais ressecados que os demais, a dica é HIDRATAR O CABELO ANTES de fazer a técnica. Se os fios estiverem ressecados não vai surtir muito efeito, pois os produtos da finalização apenas ficarão depositados sobre a camada externa da fibra capilar, em vez de ajudarem a fechar as escamas selando os nutrientes lá dentro. Eu testei isso, após lavar e condicionar normalmente, e o efeito não foi o desejado.

Espero que gostem do vídeo e que sirva para quem busca maior durabilidade dos cuidados semanais. Outra vantagem é que você pode aproveitar melhor os cremes de pentear que não são tão hidratantes nem tão bons quanto você gostaria e que estão meio "encalhadinhos" na prateleira. Com a ajuda dos óleos e manteigas, talvez ele cumpra melhor o seu papel.

* Veja nas informações do vídeo os produtos utilizados.

Andréa da Luz

Bem-vindo ao Não Vivo sem Cosméticos, projeto da jornalista e engª química Andréa da Luz, no ar desde 2007. Acompanhe-nos também pelo Twitter, Facebook e Youtube!

Comentários  

#5 Andréa Luz 10-03-2015 11:25
Citando Dirce:
Olá meninas eu usei por um tempo uma química,e como mudei pra uma outra cidade fiquei sem utilizar,então.precisei me adotar com outra no início nada aconteceu,mas agora e
Veio o resultado caiu meu cabelo e que posso fazer pra que ele volte a ter vida?

Dirce, sugiro que pare de usar química e vá cortando a parte alisada. Se não quiser manter os cabelos naturais, então procure produtos de reconstrução capilar, mas certifique-se com o cabeleireiro se eles são compatíveis com a química que vc está utilizando agora. Vc também pode utilizar oleos naturais e vegetais, 100% puros, para fazer umectações, procurar algum tônico de crescimento (tem o da Gota Dourada, acho até que tem um específico pós química) e tentar evitar chapinhas, secadores de cabelo e tudo que tracione demais o fio. Aposte em máscaras caseiras, como a de abacate que tem receita aqui no blog, é só procurar na seção Cabelos. use a busca, ok? Espero ter ajudado. bjos
Citar
#4 Dirce 17-02-2015 19:01
Olá meninas eu usei por um tempo uma química,e como mudei pra uma outra cidade fiquei sem utilizar,então. precisei me adotar com outra no início nada aconteceu,mas agora e
Veio o resultado caiu meu cabelo e que posso fazer pra que ele volte a ter vida?
Citar
#3 Andréa Luz 27-04-2014 19:37
olá, Karmine! Que legal conhecer sua história! Espero que sua transição agora vá adiante, o caminho é longo até a gente aprender a lidar com o fio natural sem químicas, a achar os produtos corretos, o jeito que gostamos de usar o cabelo, etc. Conte comigo para o que precisar!!! Bjos crespos pra vc!!!
Citar
#2 Karmine 22-04-2014 15:48
Olá Andréa, tudo bem?sou negra ( na verdade, queria ter a pele mais escura- tenho uma cor de burro qdo foge a la Curitibano). Lá em 2012, eu estava sofrendo transição capilar, até pq queria parar de passar guanidina e passar a fazer permanente afro com tioglicolato. Quando a minha raiz ficou com, mais ou menos, um palmo crescida, fiquei realmente indecisa se continuava a aplicar química ou adotava o cabelo crespo.
Citar
#1 Karmine 22-04-2014 12:50
Sucumbi à tentação da química e comecei a fazer permanente afro.

Meus cabelos ficaram LINDOS, no início, mas depois de um tempo...os cachos já não ficavam tão definidos.
Agora, depois de muito pensar, decidi ficar natural, estou com certo receio, até pq nem me lembro como é meu cabelo natural. Mas, chegou a hora de enfrentar as dúvidas e encarar a transformação.

Toda esta história,só para te contar, que vc, mais do que outras meninas, me serviu de fonte de inspiração, pois assisti o seu BC e seus momentos de fraqueza, assim,me identificando...
E vejo que o seu cabelo está LINDO!!!
muito obrigada por compartilhar suas experiências!!
bjos
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar