Não Vivo Sem Cosméticos

Você está aqui: Home Eu Testei Eu testei: Crespíssimo poderoso

Eu testei: Crespíssimo poderoso

07 Dez

Creme para pentear foi desenvolvido especialmente para cachos com textura do tipo 4.

A resenha de hoje é sobre este leave in da linha #todecacho, da Salon Line, especialmente formulado (segundo o rótulo) para cabelos crespos do tipo 4 ou para quem está em transição da química para o cabelo natural. Ele contém óleo de coco, óleo de manga e colágeno, além de manteiga de murumuru e glicerina para nutrir, hidratar e reconstruir. Na formulação entram também um silicone (Cyclopentasiloxane) e parabenos como conservantes. Só comprei porque queria muito testar, mas estou evitando usar produtos com esse tipo de conservante.

A embalagem também diz que ele é levíssimo e mega hidratante, sem efeito umidificado, e que pode ser usado em misturas com um gel da marca (a Gelatina Vai ter volume sim!).

A sugestão de uso é mecha a mecha, nos fios limpos e úmidos, do comprimento às pontas. Desembaraçar com pente de dentes largos e ir amassando o cabelo em direção à raiz para ajudar na formação dos cachos.

>>> EM TEMPO: Vou ficar devendo fotos da textura e dos resultados no meu cabelo, porque eu escrevi a resenha, mas esqueci de fotografar... e já gastei toda a embalagem. Mas queria deixar minha opinião aqui.

O QUE ACHEI: Tem uma fragrância boa, meio adocicada que lembra bala, mas é suave e não enjoativa, pelo menos para mim. A textura é bem densa, não cai da mão se você a virar para baixo com o creme na mão.Divulgação/NVSC

Apesar de ser indicado para meu tipo de cabelo (afro tipo 4), achei o creme muito espesso e um pouco difícil de dosar e espalhar. Particularmente, já que tenho mão pesada para cremes, prefiro os de textura um pouco mais fluida, que umedecem e penetram mais fácil no fio de cabelo. Não é o tipo de produto que o cabelo "suga", ele parece que fica apenas por cima do fio. Tenho que usar no cabelo super molhado para ter bom deslizamento e espalhar uniformemente. Se usar demais, pesa e deixa opaco.

O lado bom é que ele dá maciez, mas sem muita definição dos cachinhos especialmente próximo à raiz. O cabelo tende a armar e ficar mais espalhado, aquele efeito "nuvem" que até pode ser legal para quem curte um efeito black power, mas eu prefiro o cabelo mais definido. Não é um creme ruim, mas fiquei um pouco decepcionada por ter lido maravilhas sobre o produto. Acho ele apenas OK. Em todo caso, cada cabelo é um cabelo diferente.

Caso retirem os parabenos, ainda pretendo testar o Crespo Divino (para cachos do tipo 3B e 3C), pois acredito que deva ser menos pesado e talvez se adapte melhor no meu afro. 

Paguei R$ 11,99 (300ml). Você encontra os produtos dessalinha também na loja online da marca. Minha nota é 8. 

E você, já usou? Tem alguma dica? Deixe seu comentário aqui.

Andréa da Luz

Bem-vindo ao Não Vivo sem Cosméticos, projeto da jornalista e engª química Andréa da Luz, no ar desde 2007. Acompanhe-nos também pelo Twitter, Facebook e Youtube!

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar