Não Vivo Sem Cosméticos

Você está aqui: Home Negócios Túnel do tempo

Túnel do tempo

01 Dez

O maravilhoso mundo da internet também serve para resgatar histórias perdidas nos arquivos da nossa memória. Por isso, na minha busca por cosméticos clássicos, achei um site muitíssimo interessante que traz vários produtos antigos, não só de beleza, como também desenhos e séries de TV. O Mofolândia traz raridades como o sabonete Vale Quanto Pesa, dos anos 1960, e o creme Pond's cuja primeira fórmula é de 1846! Destaco alguns "achados" para a gente relembrar (ou conhecer, caso você seja muito jovem):

Febre entre as meninas dos anos 1970, o duo brilho em formato de moranguinho era originalmente fabricado pela Avon. Era um hit, eu tive mais de um! Hoje, podem ser encontrados similares chineses.

Dos anos 1930, o sabonete Phebo era o preferido do meu avô. Foi criado pelos portugueses Mário Santiago e por seu primo Antonio como um sabonete transparente, escuro, à base de glicerina, para concorrer com o inglês Pear’s Soap, de grande aceitação na época. Chegaram a uma mistura que envolvia óleo de pau-rosa, da Amazônia, e mais 145 essências, incluindo sândalo, cravo-da-índia e canela de Madagascar. Importado para o Brasil, custava cinco vezes mais que os outros, mas deslanchou quando a antiga loja de departamento Mappin encomendou várias dúzias do produto.

Em 1988, a Phebo foi vendida para o grupo internacional Procter & Gamble e, em 1998, para a Sara Lee Household & Bodycare do Brasil. Atualmente, os sabonetes Phebo são produzidos em Belém do Pará, pela Casa Granado, para a atual proprietária da marca, que mantém o produto, tipografia e embalagem praticamente inalterados.

O Topaze é um deoparfum clássico feminino da Avon, com notas florais e amadeiradas dos anos 60. Sofreu várias mudanças de embalagem ao longo do tempo, mas acho que a mais insólita foi essa aí, em forma de pássaro.

Fonte: www.mofolandia.com.br

Andréa da Luz

Bem-vindo ao Não Vivo sem Cosméticos, projeto da jornalista e engª química Andréa da Luz, no ar desde 2007. Acompanhe-nos também pelo Twitter, Facebook e Youtube!

Comentários  

#1 Andréa da Luz 18-02-2011 14:44
Caro Humberto, não consegui ver as imagens pois estou no meu trabalho no momento, mas tente esse link: http://lista.mercadolivre.com.br/Antiga-embalagem-dos-sabonetes-Phebo Leia também outros posts que fiz aqui: 80 anos da Phebo (está na lista aí ao lado de Artigos relacionados) e As pioneiras no Brasil (só digitar na busca a palavra pioneiras).
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar